10 jogos condicionados para ataque no Futsal








Seja no jogo propriamente dito, ou no ensino do futsal, o ataque se encontra dentro dos fundamentos táticos, junto com a defesa, peça chave do jogo de futsal. As ações de ataque podem ser realizadas através de tentativas individuais ou coletivas, entretanto os intentos individuais não podem atrapalhar o desenvolver das situações coletivas de ataque.

Antes de continuar,preciso te dar uma dica. Conheça um excelente guia: Ensinando Futsal com as Capacidades Coordenativas

No futsal moderno, os sistemas ofensivos se tornaram muito rápidos e eficazes, existem uma gama de alternativas táticas, que vão das mais simples as mais complexas, podendo ser utilizadas da iniciação ao nível competitivo.

Veja 10 jogos que serviram para aplicação imediata pata o ataque no futsal:

Quadra em 3 setores na horizontal

Objetivo – Treinamento do sistema 3.1 com chegada no pivô e percepção das zonas na quadra.

Desenvolvimento- Jogo de futsal, mas a quadra é dividida em três setores na horizontal, onde os jogadores realizarão as funções de alas, pivôs e fixos. A bola deve passar por todos os setores.

Variação 1 – os jogadores podem mudar de local, quando passar a bola para o outro setor e seu companheiro dominar a bola, após o gol ou tiro de meta, voltam para seu setor.

Variação 2 – Igual à variação 1, mas o marcador acompanha o jogador.


Quadra na vertical

Objetivo – Posicionamento, ataque com pivô, movimentação dos alas e sistema 3.1

Desenvolvimento – Jogo de futsal, mas a quadra é dividida pela metade na vertical em direita e esquerda, onde os jogadores realizarão as funções de alas, não podendo mudar de setor, o fixo joga na quadra de defesa e o pivô na quadra de ataque.


Jogo na quadra de vôlei – SJ

Objetivo – Posicionamento, jogar com o pivô, sair nas costas dos adversários e sistema 3.1.

Desenvolvimento – Jogo de futsal, mas na quadra de vôlei jogam os alas. O pivô e o fixo jogam pelos lados da quadra.

Variaçâo 1 – trocar os posicionamentos (alas fora e pivô e fixo dentro da quadra de vôlei).

Variação 2 - o pivô só joga na quadra de ataque e o fixo na quadra de defesa do vôlei.


Quadra em X

Objetivo – Posicionamento, jogar com o pivô, sair nas costas dos adversários e sistema 3.1.

Desenvolvimento – Jogo de futsal, mas a quadra é dividida em quatro setores em forma de triângulo (duas faixas na diagonal), onde os jogadores realizarão as funções de alas, pivôs e fixos, não podendo mudar de setor. O pivô pode se deslocar pelos triângulos ofensivos.

Obs.: organizar variações onde ocorra ocupação de mais de um espaço (triângulo), pelo jogador.


Quadra em três setores na vertical

Objetivo – Posicionamento, jogar com o pivô, sair nas costas dos adversários, movimentação dos alas e sistema 3.1

Desenvolvimento – Jogo de futsal, mas a quadra é dividida em três setores na vertical, onde os jogadores realizarão as funções de alas, pivôs e fixos, não podendo mudar de setor.

Variação 1 – O pivô pode jogar em toda a meia quadra de ataque.

Variação 2 – O pivô e o fixo podem jogar em toda meia quadra - de ataque para o pivô e de defesa para o fixo.

Variação 3 – O ala direito joga no setor direito e no setor de meio do ataque, o ala esquerdo joga no setor esquerdo e no setor de meio da defesa.

Variação 4 – O fixo joga em todo setor de meio.


Pivô recebe na parede

Objetivo – Treino de pivô, jogar com pivô de referência, parede e sistema 3.1.

Desenvolvimento - Jogo de futsal, mas o pivô, só poderá receber a bola na quadra de ataque de costas para a trave adversária e com a sola do pé. Sempre que o passe vier da quadra de defesa para a quadra de ataque, o pivô deve receber a bola no ataque realizando a parede. Obs. se não receber a bola de costas, será obrigado a finalizar para não perder a posse de bola.


Bola na mão do pivô

Objetivo – Jogo com pivô, variação de ataque e contra ataque, tomada de decisão no ataque pelo pivô e sistema 3.1.

Desenvolvimento - Jogo de futsal, mas os pivôs jogam com uma bola na mão, sempre que a bola chegar nele, na quadra de ataque, este deve definir com que bola jogar, a que está na sua mão ou a que está no seu pé, quando definir por uma delas deve jogar a outra para fora da quadra.


Pivô livre no fundo

Objetivo – Sistema 3.1, pivô deve selecionar o passe, chegada para o chute com passe no pivô, jogo com referência de pivô.

Desenvolvimento - Jogo de futsal, mas os jogadores para fazer o gol, deverão passar a bola para o pivô que esta livre numa zona demarcada no fundo da quadra de ataque.

Obs.: o pivô só pode fazer gol de primeira e não pode ser marcado, ele pode devolver a bola se não conseguir chutar.


Pivô livre na quadra de ataque

Objetivo – Sistema 3.1, pivô deve selecionar o passe, chegada para o chute com passe do pivô, parede e passe ao pivô.

Desenvolvimento - Jogo de futsal, mas os jogadores para fazer o gol, deverão passar a bola para o pivô que joga só na quadra de ataque. Os jogadores só poderão dar dois toques na bola o pivô é livre no número de toques na bola.


Trave virada de frente para o pivô na área

Objetivo – Sistema 3.1, passe ao pivô e finalização do pivô.

Desenvolvimento - Jogo de futsal, mas as traves ficam situadas na linha da área de costas para o circulo central. Os pivôs só jogam dentro da área de meta adversária, os alas e os fixos podem correr por toda a quadra, menos nas áreas de meta. Os pivôs só podem fazer gol de primeira. O goleiro fica numa área delimitada de dois metros de comprimento da linha de meta, por um metro de distância da trave. Obs. se o pivô não conseguir finalizar de primeira, ele pode recomeçar passando para seus companheiros.


Para facilitar a vida o professor na escola utilizando o Futsal, vou indicar dois guias que me ajudaram. Se você quiser aplicar o futsal como forma de recreação, conheça o guia de recreação esportiva para o futsal. Se você procura atividades para aplicação de vários fundamentos do Futsal, voêcê precisa conhecer o TOP 100 Futsal. São 100 atividades de Futsal para aplicação imediata.



Comente:

Tecnologia do Blogger.